Resenha- A Little Thing Called Love


Filme: A Little Thing Called love
Título original: สิ่งเล็กๆ ที่เรียกว่า...รัก/ Sing lek lek tee reak wa rak 
Diretor: Puttipong Promsaka Na Sakolnakorn, Wasin Pokpong
Elenco principal: Pimchanok Lerwisetpibol, Mario Maurer, Sudarat Budtporm.
Duração: 118 minutos
Gênero: Romance, Comédia 
Distribuidora: Sahamongkol International and Work Point
Estreia: 12 de Agosto de 2010

Olá Humanos! Hoje trago uma "resenha" (bem entre aspas) de um filme bastante interessante. A little thing called love foi meu primeiro filme tailandes, ele é bem bonitinho, só algumas coisas me deixaram em dúvida se eu gostei ou não dele, mas vou contar um pouco sobre o que eu achei, quem sabe vocês ficam interessados, quem é fã de histórias sobre o primeiro amor muito provavelmente irá gostar. Sua propaganda: "Um filme inspirado em todo mundo" 

Como esse post tem muitams imagens, clique em "Leia Mais" para conferir. 


Um filme sobre Nam, uma garota feia e sem graça que tem uma amor secreto pelo rapaz mais popular e perfeito da escola, Chon, A little thing called love parece ser um filme cheio de clichê, Certo ? Sim, parece, mas não foi como os outros milhares com o mesmo tema. Para minha surpresa o filme se desenvolveu de uma forma bem diferente do que o esperado. Nam, apesar de ser aparentemente sem graça tem seu grupo de amigas que a ajudam o tempo todo junto, principalmente quando sabem que ela está apaixonada por Chon, fazendo o uso de um livro de dicas, Nam e suas amigas vão para a "missão". Ela decide melhorar em tudo, ficar mais bonita, dedicar mais na escola e assim chamar a atenção do garoto que gosta.




Para começar, Nam começa a participar do club de Teatro, por acaso já tem que contracenar com Chon, como a branca de neve e o princípe. E a partir dai ela começa a sua tranformação, já ficando mais bonita, e cada vez mais, o momento em que ela teve sua tranformação completa confesso que nem reconheci ela, realmente muito bonita, sem a pele manchada de cabelo comprido. Depois que desfila como líder da banda do colégio começa a se enturmar mais e até começa a conversar com Chon, mas mesmo assim continua a mesma, bonitinha por dentro. Acho engraçado porque a atriz é realmente muito bonita, como deixaram ela naquele estado ? Vale destacar que não foi só por Chon que ela se esforçou, caso ela cossiga ser a melhor aluna da escola no ano irá ganhar do seu pai uma viagem aos Estados Unidos para visitá-lo, de modo geral o amor motivou ela. 


Sua paixão foi a primeira vista.  Porém quando conhece de verdade Chon seus sentimentos se concretizam.

Obs.: Não faço ideia do que está escrito ali, se realmente é a legenda do filme, não sei.

Adorei o jeito de Chon, o filme começa com ele já adulto, em uma cena sendo super atencioso com um bebê. Quando pensamos em histórias desse tipo, pelo menos eu tenho a tendência de pensar que o garoto, quando é considerado desse nível perfeito, é esnobe, Chon não é assim, e talvez foi um dos pontos que me deixou meio indecisa quanto ao filme, um menino totalmente PERFEITO, bonito, fã de fotografia, gentil, esportivo, ótimo com os amigos e até com aqueles que não são seus amigos, ele trata todo mundo bem, o que faz dele tão popular. (Creio que não existe meninos assim, mas se você conhece algum sorte a sua (: he). Acho que não preciso mencionar que o ator é lindo, certo ? 


Tenho minhas cenas preferidas, e pela quantidade de imagens que encontrei delas, não sou a única  que adorou a cena da ponte. Claro, a declaração de Nam e o fim do filme, foram tão fofas quanto. Uma coisa que eu achei adorável, foi como representaram o amor juvenil da forma mais pura, o que ?? O típico "Ele sabe meu nome", por ela ter ligado só para ouvir a voz dele e depois desligar, o dizer que está tudo bem e estar se remoendo por dentro. (Que fique claro, não sou nem um pouco romântica, mas sou o suficiente para gostar de doramas, filmes e livros de romance)


Sobre o final, achei bonitinho, mas como já assiti A werewolf boy (um dia vou postar sobre ele, estou amando este filme no momento) não consigui achar tão incrível, enfim, bonitinho, porém pouco provável, agradeço que não sou iludida, uma história dessas nunca aconteceria comigo kkk


"Eu mudei muito por ele. Tentei ficar mais bonita, melhor em tudo, eu tentei estudar mais para que ele pudesse me notar [...] Mas quando penso nele é como uma inspiração. Me fez usar o amor de uma forma positiva. Como se ele fosse uma motivação para que eu continue melhorando. Para criar a Nam de hoje."
Bem eu esqueci um pouco do que queria dizer sobre ele, mas enfim, um filme em que coincidências acontecem, não achei o melhor nem perto disso, mas é um bom filme para assistir em uma sexta feira tediosa. Já assistiram ? O que acharam ? Comentem! 
Beijos, Judy.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

- Não xingue nem ofenda sem sentido
- Não aceito ''Seguindo segue de Volta?'' APENAS se tiver um comentário com ligação com o Post
- Deixe o link do seu blog, queremos visita-lo
- Sem spans ou correntes
Obrigada ♥