Resenha- Asas



Livro: Asas
Autora: Aprilynne Pikes
Titulo original: Wins
Editora: Bertrand Brasil
Data de lançamento nacional: 2011
Numero de paginas:294

sinopse
"Laurel foi encontrada na porta de seus pais adotivos e sempre estudou com a mãe. Aos quinze anos, após se mudar para uma cidade e se matricular em uma nova escola, sua vida muda completamente. Para começar, desde sempre solitária, ganha um grupo de amigos e um admirador apaixonado, David. E isso será apenas o inicio, à primeira vista, Laurel é uma garota comum, com os problemas de qualquer adolescente. O que a diferencia, é ter um segredo maravilhoso: ela é uma fada e tem o dever de proteger o portal para Avalon"

resenha
 Asas foi um daqueles livros que ficou um bom tempo na estante antes de eu lê-lo pois eu passei vários livros na frente dele...
 Laurel é uma garota de quinze anos que acabou de se mudar para uma pequena cidade, e logo de cara já faz amizade com David, um garoto inteligente que a ajuda com biologia. Voltando à Laurel, ela nunca frequentou a escola, foi deixada na casa de seus pais atuais quando tinha três anos, nunca teve sequer uma espinha, é vegetariana, não consegue ficar em lugares fechados isso a agunia, tirando o fato que ainda não mestruou.
 Mas tudo muda quando ela percebe um pequeno caroço em suas costas, pensa que é sua primeira espinha e não da muita atenção, mas um problema: a tal espiha cresce a cada dia até ficar do tamanho de uma bola de beiseball e de repente sumir, aparecendo no lugar asas, não asas e sim pétalas de flores, isso é mil vezes pior que uma simples espinha, ela resolve contar somente para David, que a ajuda descobrir algumas coisas, mas tudo é revelado quando ela resolve viajar com seus pais para ver a antiga casa. No bosque, Laurel encontra um ser um tanto esquisito mas que a faz se sentir em casa, Tamani um elfo de intrigantes olhos verdes, lhe diz que ela é uma fada, e que sim, são pétalas na sua costas mas que vão sumir...
 Este livro é tão delicado, desde a capa que é linda com as pétalas formando asas, desde o jeito que a autora escreve, com uma leitura super leve, ótima diagramação, não é confuso e você, (pelo menos eu) lê muito rápido, a narração é em primeira pessoa o que me aliviou, pois já fazia um bom tempo que eu não lia uma leitura em primeira pessoa. E como num romance "sobrenatural" temos aqui mais um triângulo amoroso, formado por Laurel, David, e Tamani.
 Os personagens são legais, Laurel é bem delicada mas não ao ponto de ser enjoativa, David, para mim ele é o garoto pefeito, inteligente, cuidadoso, protetor, bonito e etc. Sendo que ao inicio da leitura ele era o meu preferido para ficar com Laurel mas já no final fiquei em duvida, o motivo de minha duvida foi Tamani um jovem elfo que conhece Laurel desde sua vida de fada, antes de ela decidir mudar de mundo, ele é bonito, bem humorado, mas tem alguma coisa nele que não me conquista e eu não sei o que é, acho que pelo fato que quando pensava nele me vinha a imagem de Peter Pan na cabeça, eu sei que não tem nada a ver, mas...
 O enredo da história conta com os trolls, criatura feias e malvadas que vivem no nosso mundo, que as fadas combatem há vários anos para evitarem que as criaturas entrem em Avalon (país das fadas que contem grandes riquezas). O principal vilão é Barnes, um troll que quer comprar as terras de Laurel.
 Apesar de ser bom, o final não é daqueles que nos fazem querer a continuação loucamente, e depois do meio a leitura se tornou um pouco previsiva.

Bjsss, Manu.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

- Não xingue nem ofenda sem sentido
- Não aceito ''Seguindo segue de Volta?'' APENAS se tiver um comentário com ligação com o Post
- Deixe o link do seu blog, queremos visita-lo
- Sem spans ou correntes
Obrigada ♥